Eleições custarão R$ 11 milhões no Piauí

O valor será empregado na aquisição de material e pagamento de pessoal.

As eleições gerais deste ano custarão cifras bem altas. A previsão da Justiça Eleitoral é de que pelo menos R$11 milhões deverão ser investidos para que no dia 03 de outubro, tudo esteja pronto para a população ir às urnas. Do montante, R$6,4 milhões deverão ser empregados na aquisição de material de serviço permanente e contratação de serviços. Outros R$ 4,4 milhões serão destinados ao pagamento de pessoal, como pagamento de diárias. Ainda assim, o valor é R$130 mil a menos que o investido nas eleições de 2006, segundo levantamento do próprio Tribunal Regional Eleitoral do Piauí. A justiça eleitoral piauiense prevê cerca de 29 mil mesários (quatro por sessão). Ao todo são 7,2 mil sessões espalhadas em 98 zonas eleitorais, onde serão utilizadas 9 mil urnas eletrônicas e as biométricas nas cidades de Piracuruca e Piripiri. O TRE irá disponibilizar cerca de 300 funcionários, além de juízes e promotores. (M.M)

Fonte: Mayara Martins