Serra nega acusações de ex-diretor do Dnit e diz que vai à Justiça

Em nota, Serra nega acusações de ex-diretor do Dnit e diz que vai à Justiça

A assessoria do tucano José Serra negou, por meio de nota, as acusações feitas pelo ex-diretor do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes), Luiz Antônio Pagot, a uma revista semanal. A assessoria afirmou que o pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo buscará na Justiça reparação do conteúdo publicado. ?Mentiras serão cobradas na Justiça?, diz o texto divulgado neste sábado (2).

Em entrevista à revista "Isto É", Pagot disse que o ex-governador paulista teria o pressionado para aprovar aditivos ao trecho sul do Rodoanel para, segundo o ex-diretor, abastecer o caixa 2 da campanha do PSDB à Presidência em 2010.

Na nota nega irregularidades: "A campanha de José Serra em 2010, bem como todas as anteriores, não teve caixa 2". O texto também associa a prática de caixa 2 ao PT e cita o caso do mensalão, suposto esquema de pagamento de propinas a parlamentares em troca de apoio político. Procurado, o Partido dos Trabalhadores disse, por meio da assessoria de imprensa, que não comentaria a nota divulgada por José Serra.

Fonte: UOL