Entidades apresentam propostas para o mandato de Regina Sousa

O objetivo foi receber propostas de ações relacionadas.

Representantes de entidades que defendem os direitos da mulher e o meio ambiente se reuniram com a senadora Regina Sousa nessa sexta- feira, 08, no escritório em Teresina. O objetivo foi receber propostas de ações relacionadas a essas áreas para subsidiar o mandato da parlamentar no Senado Federal.

Image title

Agilidade no julgamento dos processos de violência doméstica, fortalecimento dos conselhos dos direitos da mulher, estruturação das delegacias especializadas e concessão de benefícios sociais às vítimas de violência foram algumas das sugestões das representantes de entidades. A coordenadora estadual da Mulher, Halda Regina sugeriu a destinação de emendas parlamentares para campanhas contra a violência doméstica. A delegada Vilma Alves propôs a implantação de casas-abrigo no interior do Estado. E informou que já foram abertos mais de 5 mil inquéritos, mas só dois casos julgados. Para as representantes das entidades, a implantação da casa da Mulher Brasileira no Piauí será uma conquista na luta pelos direitos da mulher no Estado.

O bombeamento de água de poços através da energia solar, escola ecoeficente, incentivo à construção de cisternas e ao uso do tijolo ecológico foram algumas das sugestões dos representantes de entidades e da Universidade Federal do Piauí. Os professores Marcos Lira e Fábio Rocha, do departamento de Engenharia Elétrica da UFPI explicaram que o Piauí possui duas riquezas: o sol e o grande lençol freático e com elas é viável trabalhar a sustentabilidade, cuidando e preservando o meio ambiente.

O representante da Obra Kolpíng no Piauí, Raimundo João informou que já foram construídas no Estado 52 mil cisternas e investir nesse sistema de armazenamento de água causa um impacto positivo ao meio ambiente. Outra sugestão é o uso do tijolo ecológico que evita a queima de milhares de árvores. “No Assentamento Paraíso, em Piripiri, foram construídas 13 casas com tijolo ecológico.” Jaqueline Cruz, do projeto Cabar pediu apoio para a preservação dos animais silvestres que, com a extinção do habitat natural deles, estão morrendo atropelados em ruas, avenidas e rodovias.

A senadora Regina Sousa disse que o objetivo dessas reuniões com as entidades é ouvir as experiências e depois apresentar projetos na Comissão de Meio Ambiente, da qual faz parte como titular. E disse que é preciso a união de todos em prol de causas como a do meio ambiente, por exemplo. “ Se não cuidarmos do nosso Planeta, as gerações futuras vão sofrer as consequências das nossas atitudes.”

Fonte: Assessoria