Espanhóis querem produzir energia no Piauí

Espanhóis querem produzir energia no Piauí

Espanhóis querem produzir energia no Piauí

Investidores espanhóis da área de energias renováveis estão interessados no potencial do Piauí. O interesse foi manifestado diretamente ao vice-governador Wilson Martins, que foi à Espanha representando o governador Wellington Dias em uma série de reuniões sobre o uso de tecnologias para geração de energia eólica. A viagem não teve nenhum custo para o Estado.

O evento foi promovido pelo governo espanhol e pela entidade que reúne as empresas de energia renováveis da Espanha. Foram convidados alguns representantes de estados brasileiros com maior potencial no setor, além do ministro das Minas e Energia, Edson Lobão.

?Só o fato do Piauí ser convidado para esse encontro já demonstra o interesse dos investidores espanhóis no potencial piauiense?, ressalta Wilson. Ele disse que os europeus querem dar aplicação à tecnologia de geração de energia com base no vento e buscam alternativas de investimentos atrativas, especialmente agora quando a crise assola o Velho Continente.

?Podemos conciliar os interesses das duas partes: eles querem investir e nós precisamos apostar em novas fontes de energia como suporte para as nossas estratégias de desenvolvimento e geração de emprego e renda?, enfatiza Wilson Martins. O vice-governador assinala que tanto a energia eólica como a energia solar são alternativas baratas para o Nordeste em geral e o Piauí em particular.

?Não temos mais tantas alternativas de expansão com base na hidroelétrica e temos que nos preocupar desde já com novas matrizes energéticas?, pontua.

Wilson Martins acrescenta que essas duas fontes de energia são importantes para as diversas atividades econômicas, desde a industrialização em larga escala ? uma votação que deve ser estimulada sobretudo na Grande Teresina ? até projetos turísticos e agricultura familiar. ?Às vezes é mais fácil colocar um painel solar em uma fazenda que levar a rede distribuição tradicional?, falou.

Energia Solar será oferecida para micro unidades industriais

A possibilidade de uso das energias renováveis é ampla, dentro da estratégia de desenvolvimento do Piauí. Na Espanha, Wilson Martins viu de perto experiências de desenvolvimento regional que lança mão tanto da energia solar como da eólica.

Em alguns casos, painéis solares são utilizados para manter o funcionamento de micro unidades agroindustriais ou até mesmo para fazer funcionar resorts em áreas naturais protegidas ou mais afastadas dos centros urbanos.

Isso se faz atrativo no caso do Piauí sobretudo nas regiões de baixa ocupação demográfica, como em áreas do sul do Estado. As experiências desenvolvidas na Espanha e em outros países serão utilizadas agora nas discussões das estratégias a serem adotadas pelo Piauí, colocando-se como mais uma alternativa. (E.R

Fonte: Efrém Ribeiro, Jornal Meio Norte / meionorte.com