Estudantes se preparam para o Prêmio Jovem Cientista

O foco desta edição será o estudo, desenvolvimento e uso de energias alternativa

A 24ª Edição do Prêmio Jovem Cientista, cujo tema este ano é Energia e Meio Ambiente - soluções para o futuro, tiveram suas inscrições prorrogadas para até o dia 30 de junho de 2010 e podem ser feitas pela internet ou pelos Correios. Serão premiados trabalhos nas categorias Graduado, Estudante do Ensino Superior, Estudante do Ensino Médio e Mérito Institucional.

O objetivo do prêmio é buscar, por meio dos diferentes temas abordados a cada ano, soluções simples e acessíveis para problemas diretamente ligados à população. O foco desta edição será o estudo, desenvolvimento e uso de energias alternativas, estimulando a produção e o consumo dessas fontes de energia de uma maneira sustentável.

No Piauí, a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seduc), por meio da Unidade de Ensino-Aprendizagem, mobiliza estudantes de todas as escolas da rede estadual para participarem. ?Este prêmio é interessante porque revela talentos e investe em estudantes e profissionais que procuram alternativas para os problemas brasileiros, além de promover a reflexão e a pesquisa?, informa Marcoelis Pessoa, gerente de Ensino Médio da Seduc. Na categoria Graduado podem concorrer aqueles que concluíram o curso de graduação e que tiveram menos de 40 anos de idade em 31 de dezembro de 2009.

Na categoria Estudante do Ensino Superior, podem concorrer estudantes que estejam frequentando cursos de graduação e que, em 31 de dezembro de 2009, tiveram menos de 30 anos de idade. Na categoria Estudante do Ensino Médio, podem se inscrever alunos regularmente matriculados em escolas públicas ou privadas de ensino médio e em escolas técnicas e que tiveram menos de 25 anos de idade em 31 de dezembro de 2009.

Na categoria Orientador, serão premiados professores ou pesquisadores que tenham atuado como orientadores dos candidatos vencedores nas categorias Graduado, Estudante do Ensino Superior e Ensino Médio. Na categoria Mérito Institucional serão premiadas uma instituição de ensino superior e outra de ensino médio, às quais estiver vinculado o maior número de trabalhos com qualidade.

Marcoelis Pessoa avalia que a ideia do Prêmio Jovem Cientista é interessante por movimentar as escolas a mostrarem suas ricas práticas pedagógicas. ?O concurso amplia novos horizontes para professores e alunos?, afirma. As premiações, que serão entregues pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelas autoridades governamentais da área de ciência e tecnologia, perfazem um total de R$ 150 mil, além da concessão de bolsas de Iniciação Científica, Mestrado, Doutorado ou Pós-Doutorado. O 1º lugar na categoria Graduado receberá R$ 20 mil e, em Estudante do Ensino Superior, R$ 10 mil. Por sua vez, a universidade e a escola de ensino médio premiadas na categoria Mérito Institucional receberam R$ 30 mil, cada uma. O regulamento e ficha de inscrição estão disponíveis nos endereços unesco.org.br e jovemcientista.cnpq.br.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br