"Eu não tenho como fazer outra coisa a não ser política", diz Lula

"Eu não tenho como fazer outra coisa a não ser política", diz Lula

Na Bahia, Lula participou da formatura do projeto Todos pela Alfabetização.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse na noite desta sexta-feira (10) que vai continuar na vida política quando deixar a Presidência da República. Lula participou em Salvador (BA) da cerimônia de formatura de turma do projeto Todos pela Alfabetização (Topa).

?Eu vou continuar na vida política. Eu não tenho como fazer outra coisa a não ser política. E agora, muito mais à vontade porque quando eu chegar aqui na Bahia, certamente eu vou bater papo numa certa casa, sem compromisso, sem segurança, sem protocolo, sem cerimonial para encher o sabe, sabe, sozinho, como nos velhos tempos."

Em tom de brincadeira, Lula ainda falou que, assim que deixar a Presidência, não vai precisar se preocupar com a imprensa. "Eu vou poder tomar um negocinho qualquer, que eu não vou dizer o que é, sabe, sem preocupação com a imprensa, sem se preocupar com a fotografia, vamos conversar mais livremente, sem preocupação com as palavras?, disse o presidente.

Lula voltou a afirmar que, entre suas metas após deixar o cargo está percorrer o Brasil e ?desencarnar da Presidência?.

?E vou voltar a andar pelo Brasil. Por duas coisas. A primeira que tenho de fazer é desencarnar. Eu tenho de desencanar da Presidência. Ou seja, oito anos é pouco para quem está no governo. É muito para quem está na oposição. Para mim foi nada. Quando eu comecei a gostar, pronto venceu meu mandato."

Segundo Lula, ex-presidente não pode ficar dando palpites no novo governo.

"Eu preciso desencarnar para poder tirar de mim todas as coisas. Porque esse negócio de ex-presidente começar a dar palpite vai prejudicar quem está na Presidência. Então, eu quero desencarnar, eu quero voltar o mais perto possível da normalidade que eu ser humano pode contar, para depois começar a viajar o Brasil?, afirmou.

Fonte: g1, www.g1.com.br