Novo diz lamentar postura agressiva dos adversários

Novo diz lamentar postura agressiva dos adversários

As constantes acusações e a postura agressiva da oposição na campanha do segundo turno

As constantes acusações e a postura agressiva da oposição na campanha do segundo turno, têm ditado os rumos da disputa eleitoral. O deputado estadual reeleito Fábio Novo(PT), disse na tarde desta quinta-feira(14), que lamenta essa postura agressiva dos adversários.

Fábio disse que as campanhas de Dilma e Wilson Martins não conseguem seguir o mesmo ritmo, pois a força do trabalho e o compromisso da administração do presidente Lula e do ex-governador Wellington Dias, não permite entrar com baixo nível na campanha.

" Não conseguimos atacar. O Piauí e o Brasil estão correspondendo ao prestígio obtido pelo trabalho de Lula em nosso Estado.A oposição está agindo de forma incoerente", declarou Novo.

Sobre a adesão do prefeito de Teresina Elmano Ferrer, Fábio Novo disse que Elmano tomou a decisão correta, pois várias obras que estavam paradas na capital foram concluídas através das parcerias, que deverão continuar.

" Elmano está sofrendo e aqui quero me solidarizar a ele com a injustiça que promovem os adversários. A campanha baixou o nível e a oposição não mostra projetos", finalizou.

FOTOS: HÉLVIO MENESES







Fonte: Marcos Moraes