Festa do Partido dos Trabalhadores para pré-candidata Dilma custará R$ 6,5 milhões

Festa do Partido dos Trabalhadores para pré-candidata Dilma custará R$ 6,5 milhões

Congresso do PT em Brasília vai homologar candidatura da ministra à Presidência

O 4º Congresso do PT em Brasília, que acontece em fevereiro e deve bater o martelo sobre a candidatura da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, vai custar R$ 6,5 milhões ao partido. O tesoureiro do partido, Paulo Ferreira, disse ao R7 que o gasto, o maior dos últimos anos, inclui despesas com passagens, hospedagens, alimentação e transporte dos mais de 1.400 delegados que foram eleitos em novembro do ano passado e tomarão posse no evento.

- Este vai ser o congresso mais caro por conta do número de delegados eleitos. Nos últimos, não chegou a mil [o número], eram por volta de 900. Ferreira disse que o valor da festa será financiado em torno de 60% com recursos do diretório nacional e os outros 40% serão rateados pelos diretórios estaduais, por meio das contribuições individuais dos filiados que votaram na eleição interna em 2009.

Os maiores gastos ficarão por conta das passagens, orçadas em R$ 1,7 milhão, e as hospedagens, que devem girar em torno de R$ 2,6 milhões. O aluguel do centro de convenções Ulysses Guimarães foi contratado no ano passado e custou quase R$ 500 mil.

- Nós fizemos um planejamento que um evento deste tamanho precisa ser organizado com antecedência. O espaço Ulysses Guimarães, por exemplo, foi contratado em março [de 2009] e custou R$ 470 mil. Já está pago.

Mais R$ 500 mil estão reservados para impressão do material com as resoluções gerais que o partido vai distribuir durante o evento: a conjuntura nacional e internacional, tática , candidaturas para as eleições 2010 e o futuro do PT. Durante o evento também será realizada a posse dos novos dirigentes nacionais do PT, como o presidente eleito do partido, o ex-senador José Eduardo Dutra.

Fonte: R7, www.r7.com