Firmino acredita em aliança entre PTB e PSDB

As zonas de conflito entre o PTB e PSBD deverão ser superadas em nome de uma aliança nas eleições deste ano.

As zonas de conflito entre o PTB e PSBD deverão ser superadas em nome de uma aliança nas eleições deste ano. A opinião é do vereador Firmino Filho (PSDB), que se reuniu nos últimos dias com o prefeito de Teresina Elmano Férrer (PTB), e avisou que acredita em um palanque único para governador dividido entre o ex-prefeito Sílvio Mendes (PSDB) e o senador João Vicente Claudino (PTB).

Apesar das negativas de Claudino sobre a renúncia da candidatura própria a favor do tucano, Firmino é enfático: ?Temos três meses até as convenções para a evolução dos diálogos. Há tempo para a unidade?. O raciocínio do vereador está concentrado na convicção de que não há espaço para duas candidaturas competitivas na oposição. ?A tradição é que haja uma candidatura competitiva na oposição e outra no Governo. Essa união pode acontecer no primeiro ou no segundo turno?, aposta.

CRÍTICAS- O ex-prefeito da capital destaca que é necessário manter um ?clima fraterno? caso sejam mantidas as candidaturas de Sílvio e João Vicente. Firmino ainda criticou o governador Wilson Martins (PSB), chamado por ele de ?ventríloquo?. ?O verdadeiro Wilson vai aparecer, essa imagem de paz e amor que ele passa não é a realidade, é uma nota de R$ 3?, atacou. (S.B.)

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte