Firmino: Esse é o segundo cavalo selado que passa pelo PSDB

Firmino acrescentou que já há a garantia de que a oposição terá um palanque, independente da resposta do prefeito.

A saída do prefeito Sílvio Mendes (PSDB) para disputar o Palácio de Karnak está a cada dia se mostrando que será concretizada. Mesmo não confirmando sua saída, as especulações é de que o prefeito anunciará sua saída após a inauguração da ponte do Sesquicentenário, marcada para o dia 30 deste mês. Os tucanos estão cautelosos, mas também otimistas quanto a aceitação do prefeito Sílvio Mendes e acreditam que é uma oportunidade que não pode ser desperdiçada.

Analisando a situação, o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Firmino Filho (PSDB), acredita que as pesquisas e o sentimento de aceitação popular estão sendo um bom indicativo para que o PSDB possa tirar a imagem de que o partido é um partido apenas de capital. ?É uma oportunidade muito grande, não só para o Sílvio mas também para o PSDB. É um convite muito tentador?, opina, acrescentando que já há a garantia de que a oposição terá um palanque, independente da resposta do prefeito.

Lembrando o episódio acontecido nas eleições de 2008, onde Firmino Filho teve a oportunidade de disputar uma vaga a governador, o tucano foi enfático: ?Esse é o segundo cavalo celado que passa pelo PSDB?, acrescentando que o PSDB já foi um partido que teve muita representatividade no interior. ?Essa seria uma boa oportunidade para avançarmos na interiorização do PSDB. ?É uma decisão difícil porque o prefeito tem um carinho muito grande por Teresina?, observa.

Firmino Filho destacou que o prefeito está tranquilo quanto em deixar a Prefeitura de Teresina no comando do vice-prefeito Elmano Ferrer (PTB), mesmo que o vice seja do partido do senador João Vicente Claudino (PTB), pré-candidato da base governista. ?O Elmano é uma pessoa preparada. A situação é diferente da que eu vivi quando tive a oportunidade de disputar o governo em 2008?, finaliza. (M.M)

Fonte: Mayara Martins