Débito de São João do Piauí chega a R$ 47 milhões; veja!

Débito de São João do Piauí chega a R$ 47 milhões; veja!

Uma das maiores preocupações do gestor é com a dívida junto à Eletrobras.

O prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos, fez um levantamento das dificuldades do governo e também das ações que marcaram o início da sua administração. Uma entrevista foi realizada com o prefeito durante o Jornal Agora, da Rede Meio Norte

Inicialmente ele garante que o ano de 2013 não foi fácil em razão das dívidas recebidas pela administração. ?O ano passado foi difícil para a nossa administração. Foi um ano em que a gente teve que se reestrutura

r para organizar a administração do município.?

Ele afirma ainda que o principal problema é o endividamento do município. ?Ao todo, o débito do município chega a R$ 47 milhões entre Eletrobras, Receita Federal, Caixa Econômica, FGTS, PIS / Pasep. Nós conseguimos fazer o parcelamento dentro da nossa capacidade de parcelamento?

Uma das maiores preocupações do gestor é com a dívida junto à Eletrobras. ?É uma grande empresa do nosso estado, mas estamos com dificuldades de fazer um parcelamento do débito de R$ 5,6 milhões. Nós queremos uma auditoria detalhada de modo que ambas, a Eletrobras e a Prefeitura, possam se sentar à mesa para compreendermos o porquê desse débito?, disse o prefeito.

Gil Carlos assegura a necessidade de fechar parceria com a Câmara Municipal para aliviar as dívidas. ?Eu tenho que dividir essa responsabilidade com a Câmara Municipal. Além disso, eu preciso cobrar da Eletrobras que melhore os seus serviços em nosso município.?



Como melhorias, o prefeito aponta as pactuações feitas com os Ministérios da Saúde e da Educação. ?Estamos iniciando obras importantes para São João na Educação como escolas novas na zona rural, creches, recuperação dos equipamentos de saúde. Investimos também na agricultura?, disse ele ao confirmar o fechamento de uma parceria com o Sebrae, Codevasf e Embrapa. Segundo ele, a intenção é investir no setor primitivo do município.

Outro investimento necessário, diz ele, deverá ser feito na revitalização do carnaval de São João do Piauí.

Fonte: Denison Duarte