Gestores estaduais discutem a criação de OPMs no Piauí

No Brasil, a criação desses aparatos também vem sendo ampliada

Promovido pela Coordenadoria Estadual de Políticas para as Mulheres, foi realizado neste final de semana uma reunião técnica de discussão em torno da importância e necessidade de criação de Organismos Governamentais de Políticas para as Mulheres (OPM) nos municípios piauienses.

Na ocasião, representando o governador Wellington Dias (PT) esteve presente o secretário estadual de Assistência Social e Cidadania, Henrique Rebelo, e a vice- governadora, Margarete Coelho (PP).

Na pauta do diálogo destacaram-se os benefícios que tal iniciativa pode trazer para a sociedade em geral, abarcando ainda a ampliação dos serviços especializados, orquestrando numa maior organização. "A criação dos OPMs fortalece e beneficia a sociedade em geral, além de ampliar a capacidade do governo para efetuar ações", disse Rebelo.

Cabe ressaltar que atualmente no Piauí já existem seis organismos do tipo, nisso, sua principal missão versa em contribuir nas ações dos governos com vistas à promoção da igualdade de gênero através da formulação, coordenação e articulação de políticas para as mulheres.

No Brasil, a criação desses aparatos também vem sendo ampliada em todas as regiões do país. Nesse âmbito, no fortalecimento da causa, a reunião ainda contou com a participação da coordenadora Estadual de Politicas para as Mulheres, Haldaci Regina e da coordenadora de Politicas para Mulheres da presidência da república, Marilene Menegaz.

Fonte: Francy Teixeira