Governador autoriza projeto para regularizar abastecimento na z.Sul

Projeto de regularização das ligações clandestinas da área

Cerca de oito mil moradores do Parque Vitória, localizado no bairro Angelim, zona Sul da capital, vão ter suas ligações de água regularizadas. A garantia foi feita neste domingo (18) pelo governador Wellington Dias, durante solenidade que marcou, dentre outras ações, a autorização para o início das obras do projeto de regularização das ligações clandestinas da área.

Image title

O Parque Vitória, que surgiu com a ocupação de cerca de duas mil famílias em agosto de 2011, foi definida pelo poder público como uma área de interesse social para desapropriação e posterior regularização e compreende um total de 73 hectares.

O projeto para regularização das centenas de ligações clandestinas inclui a implantação de 20 mil metros de rede de distribuição e a construção de um reservatório elevado com capacidade para armazenar 300 mil litros de água.

Os recursos são do Governo do Piauí na ordem de R$ 3 milhões. "A Agespisa distribui 2,13 milhões de litros por dia nessa área. Com a regularização das ligações, serão necessários apenas 1,65 milhão de litros por dia, resultando assim em economia de água", enfatizou o presidente da Agespisa, Raimundo Trigo.

Ele destacou ainda que um dos principais eixos de preocupação das empresas de saneamento é com a questão do consumo irregular de água em ocupações através de ligações clandestinas, o que resulta em situações de desperdício e inadimplência. "Com a regularização do abastecimento no Parque Vitória, o Governo do Piauí dá mais um passo rumo à universalização dos serviços na capital, que hoje é de 97%", concluiu.

Fonte: Com informações da Agespisa