Wellington Dias manda apurar ameaça contra Jaylles Fenelon

Wellington Dias disse que lamenta o ocorrido e espera a investigação da Polícia Federal

O governador Wellington Dias tomou conhecimento, nesta quinta-feira (16), de que um policial e um cinegrafista foram presos, pela Polícia Federal, em Teresina, quando estariam rondando a quadra onde está situado, no Conjunto Morada Nova II, o apartamento do estudante de Direito Jaylles Fenelon.

Wellington Dias disse que lamenta o ocorrido e espera a investigação da Polícia Federal sobre esse caso, lembrando que já havia solicitado segurança para Jaylles Fenelon ao Ministério da Justiça, desde que o mesmo fez denúncias de irregularidades na Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi), onde trabalhava.

O governador Wellington Dias declarou que não aceita e não compactua com nenhum ato de cercear a liberdade de ir e vir nem de bisbilhotar a vida das pessoas. Esse tipo de atitude não tem o seu consentimento. Ele afirmou, ainda, não aceitar que nenhum servidor público esteja por trás disso. Dias deixou claro que, se as duas pessoas que rondavam nas proximidades da residência de Jaylles Fenellon estavam a mando de um funcionário ou gestor público, as providências cabíveis serão tomadas e o mesmo responderá por seus atos.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br