"Governador se colocou à disposição para o diálogo", afirma Marden Menezes

A importância de uma relação cordial entre Governo do Estado e o Poder Legislativo segue norteando as conversas do governador Wellington Dias com a oposição

A importância de uma relação cordial entre Governo do Estado e o Poder Legislativo segue norteando as conversas do governador Wellington Dias com a oposição.

Neste sentido, o chefe do Executivo esteve reunido na noite da última segunda (9) com o deputado Marden Menezes (PSDB) em um jantar, o diálogo estabelecido entre os dois políticos estabeleceu a confiança de que projetos realmente importantes para o Piauí não deverão sofrer qualquer entrave na Assembleia, contudo, o parlamentar negou que haja uma aproximação com a base aliada e relatou em entrevista na tarde de ontem, que continuará na oposição, porém, enfatizou o respeito e harmonia com o governador, rechaçando também a informação de que havia recebido uma proposta de Dias.

"Até me surpreendo quando questionam minha posição, sempre estive na oposição; a conversa foi na minha residência e prezou pelo respeito e cordialidade. O governador apenas relatou a situação do Estado na sua ótica e se colocou à disposição para o diálogo", disse.

Menezes ainda reafirmou que a conversa não teve tom político, sendo voltada apenas para assuntos de interesse dos piauienses. Neste sentido, o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e também da oposição, Robert Rios (PDT), que esteve reunido com o governador recentemente, reiterou a relevância do diálogo com o Executivo, enfatizando a sua posição na pasta. "Na reunião não tratamos de política, não sou inimigo do governador. Na CCJ, serei técnico", apontou.

OUTRO LADO - A aproximação é tida como natural pelo deputado estadual Júlio Arcoverde (PP), que ressaltou que as conversas não possuem teor político, ressaltando que o governador entende o posicionamento da oposição e busca apenas manter uma relação sadia e harmoniosa com o Poder Legislativo, de modo que ele é primordial para o bom andamento do Piauí.

Fonte: Francy Teixeira