Governador terá de devolver R$ 2.000 de viagem a Paris

O valor foi depositado na conta do governador

O governador do Rio, Sérgio Cabral Filho (PMDB), terá de devolver aos cofres do Estado R$ 2.000 recebidos indevidamente para uso numa missão oficial de dois dias a Paris no final de maio de 2011.

O valor foi depositado na conta do governador, mas as despesas foram pagas pelo cartão corporativo do governo, criado no mesmo ano.

Questionada por que o depósito foi feito, apesar da criação do cartão, a assessoria do governador afirmou que houve erro da "área administrativa" do governo.



Fonte: Folha