Governador trata de abastecimento e investimentos para o Matopiba

Governador participou de audiências na Caixa Econômica Federal

O governador Wellington Dias esteve nesta segunda-feira, 5, em Brasília e foi recebido pela presidente da Caixa Econômica Federal, Miriam Belchior. No encontro, que contou também com a participação do presidente do Instituto das Águas, Herbert Buenos Aires, Wellington tratou de um conjunto de projetos e investimentos nas áreas de águas e esgoto.

Image title

“Queremos em 2016 investir nesse setor, garantindo qualidade nos serviços e segurança no abastecimento. Reconheço que há conjunto de municípios com problemas de abastecimento de água e pretendemos trabalhar naquilo que é emergencial e também em soluções definitivas”, afirma.

O governador afirmou ser necessário um forte investimento para garantir água na zona rural. “Passamos por um longo período de estiagem, tivemos redução de vazão de poços, problemas com barragens que abasteciam as cidades”, explica.

Na reunião com a direção da Caixa Econômica Federal, o governador tratou de habitação e relatou  um programa de moradia arrojado para 2016 e também falou do PAC pavimentação, especialmente calçamento. A proposta é garantir uma contrapartida da União através do Ministério das Cidades e uma linha de financiamento com Caixa e nos anos de 2016 a 2018 realizar esse investimento no Piauí e melhorar a qualidade de vida da população.

Depois de audiência na Caixa, o governador foi recebido pela ministra da Agricultura,  Kátia Abreu, onde foram negociados os primeiros passos de investimentos no MATOPIBA. “Neste início de ano vamos implantar em Bom Jesus a sede do Matopiba, onde já funciona a sede do CORESA e também conta com unidade do Instituto de Águas e unidade técnica da Embrapa”, diz o governador.

Na reunião, a ministra Kátia Abreu anunciou contrato feito com a USP para realização de estudo na área de inovação tecnológica voltada para os pequenos produtores. “A idéia é fazer com que a Embrapa possa permitir as condições de eficiência para garantir maior resultado para o trabalho dos pequenos agricultores com o uso da tecnologia”, informa, acrescentando que  na reunião foi discutido os investimentos vinculados ao JICA e GBIC, do Japão. “Nos dias 29 de fevereiro e 1º de março teremos uma reunião com o Governo Japonês para tratar de áreas importantes como rodovias, pesquisas e investimentos necessários para o desenvolvimento do sul do Piauí”, diz.

Fonte: Com informações do Portal do Governo