Roseana faz auditoria no governo Lago e diminui secretarias

Ao assumir o cargo, Roseana determinou auditoria das contas do governo de Jackson Lago

A nova governadora do Maranhão, Roseana Sarney, que dá posse nesta segunda-feira (20) a seu secretariado, anunciará o corte de 12 secretarias de Estado. A informação é do novo secretário de Comunicação do governo, Sérgio Macedo, que afirma que Roseana quer reduzir para 30 o número de órgãos. Macedo foi empossado juntamente com Roseana na sexta-feira (17).

De acordo com o Macedo, a gestão anterior, de Jackson Lago, que teve a cassação mantida pelo TSE na última semana, tinha 42 secretarias no total, sendo três delas localizadas em Brasília. A idéia é manter apenas uma das que estavam baseadas na capital federal, que funcionará como escritório de representação.

Ao assumir o cargo de governadora do Maranhão, Roseana determinou auditoria das contas do governo anterior. Nesta segunda, durante a posse, será anunciado também um plano de emergência para o estado, principalmente nas áreas de saúde, educação e segurança pública, e para a posse de ao menos outros seis secretários.

Segundo Macedo, o novo governo deve cortar também cerca de 10% dos cargos comissionados. ?A governadora está anunciando medidas drásticas de controle das finanças. Só na secretária da Casa Civil, eram 257 telefones celulares, com uma conta mensal de R$ 250 mil, que representam R$ 3 milhões por ano?, disse Macedo.

A posse do secretariado está marcada para as 16h e acontece no Palácio dos Leões, sede do governo que foi ocupada até a manhã de sábado pelo ex-governador cassado Jackson Lago. Até lá, Roseana mantém uma rotina de reuniões fechadas com os novos secretários.

SECRETARIADO

Segundo Sérgio Macedo, nesta segunda serão empossados os novos titulares da Educação (César Pires), Infra-estrutura (Marcos Barros), Saúde (Ricardo Murad), Indústria e Comércio (Maurício Macedo), Cidades (Filuca Mendes) e da Casa Civil (João Abreu).

Fonte: g1, www.g1.com.br