Governo discute plano de ação para atendimento aos agricultores

O governador Wellington Dias esteve reunido na manhã desta quinta-feira, 11, no Karnak, com gestores de diferentes órgãos

O governador Wellington Dias esteve reunido na manhã desta quinta-feira, 11, no Karnak, com gestores de diferentes órgãos com o objetivo de atender aos agricultores familiares atingidos com a situação de seca, prejudicando a safra agrícola.

Dentre os presentes estiveram a secretária da Assistência Social, Gilvana Gayoso; deputado João de Deus; secretário Fernando Monteiro (Defesa Civil); Coronel Barbosa (Corpo de Bombeiros); Rubem Martins (Secretaria do Desenvolvimento Rural); Dalton Macambira (Meio Ambiente); Francisco Guedes (Emater), Lúcia Araújo (Semiárido), dentre outros.

A orientação do governador é que seja feito, a partir dos diversos órgãos, um mapa da situação dos vários municípios atingidos pela irregularidade de chuvas. ?Precisamos saber com mais segurança quais os municípios tiveram perda da safra para que sejam atendidos com seguro-safra, através de parceria entre os municípios, Estado e governo federal?.

Além do mapa de incidência de chuva, também traçar um mapa com os sistemas de abastecimentos de água e cisternas dos municípios. ?A intenção é antecipar uma situação e eliminar a chamada indústria da seca. Temos que mudar essa realidade e introduzir uma nova cultura no Estado?, disse.

A orientação do governador foi antecipar dados para se ver onde realmente existem problemas de perdas agrícolas, questões de abastecimento de água e acionar mais cedo a rede do Emater, os dados pluviométricos da Semar (Secretaria do Meio Ambiente), e demais entidades parceiras para atender melhor a quem precisa.

Orientações, por exemplo, de que sejam mantidas cisternas cheias, monitoramento dos abastecimentos dos reservatórios, são algumas das medidas para atender aos agricultores familiares que realmente precisam.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br