Governo do Piauí terá novo Plano de Contas aplicado ao setor público

De acordo com o diretor da Unicon, Lucídio Primo, a implantação deve ocorrer de modo cuidadoso, objetivando a capacitação de todos os profissionais envolvidos

A partir de janeiro do próximo ano, o Governo do Estado do Piauí passará a adotar o novo Plano de Contas Aplicado ao Setor Público (PCASP), o principal intuito da transformação é aliar-se ao padrão condizente às Novas

Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público (NBASC), que adequa-se ao que já é aplicado internacionalmente, apontando para a exigência da avaliação dos impactos nos negócios, nos sistemas de informação e das necessidades de treinamento e qualificação dos profissionais envolvidos na administração pública.

Para explanar as orientações da novidade, diversos gestores de órgãos e entidades, tal como representantes dos Poderes, estiveram reunidos com a equipe da Unidade de Controle Contábil (Unicon), para definir o processo de implantação do Plano, tendo sido convidados os dirigentes do Tribunal de Justiça, do Tribunal de Contas do Estado, do Ministério Público e representante da Comissão de Transição do Governo.

De acordo com o diretor da Unicon, Lucídio Primo, a implantação deve ocorrer de modo cuidadoso, objetivando a capacitação de todos os profissionais envolvidos.

"As novas adequações requerem treinamento e capacitação do pessoal que trabalha no setor financeiro e contábil do Estado no que se refere às novas NBCASP", inseriu. O treinamento da nova plataforma já deve ter início na primeira quinzena de janeiro.

Na reunião, foram apresentadas as mudanças ocorridas nos documentos do Sistema de Administração Financeira para Estados e Municípios (Siafem), além dos riscos e consequências que o Estado poderia sofrer caso optasse pela não implementação do Plano.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Francy Teixeira