Governo e Prefeitura de Teresina investem em parceria na saúde

O trabalho é voltado na confecção das diretrizes

Somando onze plenárias territoriais voltadas à elaboração do Plano Plurianual referente ao período de 2016 a 2019, foi a vez do Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Saúde reunir-se com o Sistema de Saúde de Teresina no final da tarde da última terça (4), na pauta estiveram as ações específicas ao período, impulsionando o atendimento à população e a evolução na qualidade dos serviços oferecidos.

Com a iniciativa, as necessidades e prioridades descritas serão discutidas e inclusas no documento final do projeto que irá ser votado na Assembleia Legislativa.

O trabalho é voltado na confecção das diretrizes a curto, médio e longo prazo, estabelecendo a facilidade do acesso aos serviços de média e alta complexidade, intermediando tal demanda desponta a regulação dos agravos e assistência, corrigindo eventuais deficiências. "Reunir os conselheiros e gestores da saúde para ouvir as suas demandas e trabalhar em conjunto é um dos passos para avançarmos.

Por isso, tivemos o cuidado em atentarmos para essas demandas do município de Teresina, inclusive, muitas dessas ações já estavam inclusas no nosso PPA. O que é muito positivo, pois mostra que estamos em consenso", indicou a superintendente de atenção integral à saúde (SUPAT), Cristiane Moura Fé.

Com essa discussão, a situação do Hospital de Urgências de Teresina (HUT) entrou em voga, viabilizando a meta do Executivo em fortalecer as unidades de saúde nos municípios, consequentemente, desafogando os grandes centros da capital.

Nesse sentido, Ana Eulálio, diretora de planejamento da Sesapi indicou que está em fase de estudo política de reestruturação dos hospitais regionais e de pequeno porte localizados nos municípios do Piauí, a proposta versa para a melhoria no fluxo de pacientes.

Fonte: Francy Teixeira