Governo Federal ainda estuda ajuda ao Piauí

Governador Wellington Dias e outros gestores nordestinos deverão ir a Brasília novamente esta semana buscar compensação às perdas nos repasses

O governador Wellington Dias não desistiu de conseguir um reforço federal às constantes quedas de repasses da União. Segundo o secretário estadual de Fazenda, Francisco José, o Franzé, até a próxima semana Dias estará novamente em Brasília junto com outros governadores nordestinos tentando obter uma resposta positiva aos pedidos de ajuda financeira.

?Já apresentamos propostas ao Tesouro Nacional e ao Ministério da Fazenda. Elas estão em análise. A resposta que tivemos até o momento do Governo descartou que fosse mexido no Fundo de Participação do Estado (FPE), mas não foi excluído que a compensação poderá vir de outras formas?, explica. O secretário frisa que uma série de medidas já estão sendo tomadas pelo Estado e serão intensificadas nos próximos meses, já que a Sefaz não conta com uma recuperação imediata do Fundo.

A previsão divulgada na semana passada pelo Tesouro Nacional indica perdas que devem chegar aos R$ 3 milhões em março. Somando os valores transferidos para os cofres piauienses, incluindo as estimativas para abril, o Estado acumulará R$ 7,8 milhões de prejuízo em comparação com o mesmo período do ano passado. Ao todo, o Piauí deverá receber R$ 105,448 milhões este mês.

?A expectativa de aumento do FPE não tem se confirmado e, por isso, adotamos novos métodos para alavancar a arrecadação. Estamos fazendo um monitoramento das secretarias desde janeiro e vamos continuar trabalhando com prudência ?, argumenta Franzé.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte