Governo não faz ajustes para 'cortar o futuro do país', diz Dilma

Dilma defendeu os ajustes fiscais promovidos pelo governo federal.

A presidente Dilma Rousseff, durante cerimônia no Palácio do Planalto, defendeu os ajustes fiscais promovidos pelo governo federal. A chefe do Executivo, que se reuniu por quase 3 horas com o ex-presidente Lula e ministros no Alvorada, na terça-feira (8), disse ainda que os ajustes não foram para "cortar o futuro do país" ou para "acabar com programas fundamentais.

"Tenho certeza que avançamos nos nossos objetivos. Reafirmo aqui que mesmo no momento de crise, de dificuldade pelo qual passamos, é importante entender porque fazemos ajustes. Não fazemos ajustes para cortar o futuro do país, nós não fazemos ajustes para acabar com programas fundamentais", disse a presidente.

Ainda durante discurso no evento de cerimônia de anúncio de 2 milhões de vagas no Pronatec, ela continuou: "Fazemos ajustes para preservar aquilo que nós precisamos preservar porque constitui o caminho do futuro".


Fonte: Com informações do G1