Haddad deixa a Educação com anúncio de 1 milhão de bolsas

Haddad deixa a Educação com anúncio de 1 milhão de bolsas

Ao sair do governo, Haddad estará livre para se dedicar exclusivamente à corrida eleitoral

Antes de deixar o Ministério da Educação, Fernando Haddad (PT), aproveita o anúncio de 1 milhão de bolsas já entregues pelo programa Universidade para Todos (ProUni) para se despedir do governo federal. O evento conta com a participação da presidente Dilma Rousseff, sua colega de partido, no Palácio do Planalto. Haddad passa o bastão para Mercadante em cerimônia na tarde da próxima terça-feira.

Ao sair do governo, Haddad estará livre para se dedicar exclusivamente à corrida eleitoral pela Prefeitura de São Paulo. O atual ministro da Educação contou com o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para concorrer ao cargo pelo PT e deverá enfrentar candidatos de peso, como Gabriel Chalita (PMDB) e Guilherme Afif Domingos (PSD).

Criado em 2004, ainda no governo Lula, o ProUni concede bolsas de estudos integrais e parciais em faculdades particulares. Os candidatos não podem ter diploma de ensino superior e precisam comprovar renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa. Estudantes com renda familiar de até três salários mínimos por pessoa só podem ser beneficiados com bolsas parciais.

Fonte: Terra, www.terra.com.br