Ipop/MN: Joãozinho tem 49,7% dos votos em Campo Maior

O candidato do PPS e atual prefeito de Campo Maior, Joãozinho Félix, mantém a liderança

O candidato do PPS e atual prefeito de Campo Maior, Jo?ozinho F?lix, mant?m a lideran?a e a perspectiva de vit?ria em um dos mais importantes redutos eleitorais do Estado. Segundo a nova sondagem eleitoral realizada pelo Instituto Piauiense de Opini?o P?blica (IPOP), Jo?ozinho tem 49,7% das inten?es de voto, estabelecendo uma vantagem de dez pontos para o segundo colocado, o candidato do PT, deputado Paulo Martins.

A pesquisa do IPOP, exclusiva para o Sistema Meio Norte de Comunica??o, foi realizada nos dias 29 e 30 de setembro, ouvindo 300 pessoas na zonas urbana e rural. A margem de erro ? de 5,7%. A pesquisa foi registrada no F?rum Eleitoral de Campo Maior no dia 26, ?s 15h06, atrav?s de processo n?mero 838/2008.

A nova sondagem repete as avalia?es anteriores quanto ? tend?ncia favor?vel a Jo?ozinho, ainda que tenha diminu?do a dist?ncia. Na pesquisa espont?nea, o atual prefeito estabelece uma vantagem de 10,4 pontos: tem 46,7% das inten?es de voto, contra 36,3% de Paulo Martins. O ex-prefeito Bona Carbureto (PMDB) aparece num distante 1,7%. Os candidatos Alo?sio Ernesto (PMN) e ?nderson Pinho (PSol) n?o foram citados por nenhum entrevistado.

Os eleitores indecisos somam 13,7%. Na pesquisa estimulada, Jo?ozinho reafirma a lideran?a, chegando praticamente ? metade das inten?es de voto: tem 49,7%, contra os 39,7% de Paulo Martins. Carbureto sobe, mas permanece muito distante, com 2,3%. Outra vez, ?nderson e Alo?sio n?o foramcitados.

Os indecisos ficam reduzidos a 6,7% dos eleitores ouvidos pelo IPOP. Dos cinco candidatos, quatro mant?m rejei??o mediana, variando de 18% (Paulo Martins) a 24% (Jo?ozinho), ?ndices considerados bastante razo?veis, sem comprometer as estrat?gias dos concorrentes. O ?nico candidato que tem uma rejei??o realmente significativa ? Bona Carbureto: 51,3% dos eleitores dizem que n?o votam no ex-prefeito de jeito nenhum.

Outros 9,7% dizem que n?o rejeitam a nenhum dos postulantes ao

cargo de prefeito.

Fonte: Fenelon Rocha, meionorte.com / TV Meio Norte