Joaquim Levy será diretor financeiro do Banco Mundial

Ele será responsável por todo o controle do Tesouro da entidade

Joaquim Levy (Crédito: Divulgação)
Joaquim Levy (Crédito: Divulgação)



O ex-ministro da Fazenda, Joaquim Levy, vai assumir o cargo de diretor financeiro do Banco Mundial (BIRD), em Washington. Levy deixou a Fazenda em dezembro do ano passado, quando foi substituído por Nelson Barbosa, ex-ministro do Planejamento.

Segundo o jornal "O Globo", a informação sobre a nova ocupação de Levy foi dada por Otaviano Canuto, representante brasileiro do Fundo Monetário Internacional (FMI), que disse em evento sobre o Brasil nesta sexta-feira (8) que o anúncio oficial será feito na próxima segunda-feira (11). Trata-se do principal cargo financeiro da instituição. 

Como diretor financeiro (o cargo em inglês é CFO, Chief Financial Officer), Levy será responsável por todo o controle do Tesouro da entidade, incluindo as operações financeiras, orçamento corporativo, gerenciamento de risco e controladoria. Este é o segundo cargo internacional ocupado por Levy. Após deixar a chefia do Tesouro Nacional, em 2006, Levy foi vice-presidente de Finanças e Administração do Banco Interamericano de Desenvolvimento (Bid), posição que ocupou por oito meses.

Segundo a GloboNews, trata-se de um convite do próprio Banco Mundial, e não de uma indicação do governo brasileiro ao cargo.Levy desligou-se do Bid no final do mesmo ano e, em janeiro de 2007, foi convidado pelo então governador do Rio, Sérgio Cabral, a assumir a Secretaria de Fazenda do estado.

Fonte: G1