Polícia Federal diz que Demóstenes negociou dívida pela empreiteira

Polícia Federal diz que Demóstenes negociou dívida pela empreiteira

Tratava-se da dívida que, anteriormente, pertencia à Queiroz Galvão e que foi comprada pela Delta por R$ 4,5 milhões.

A Polícia Federal captou três diálogos do senador Demóstenes Torres (ex-DEM) que indicam que ele negociou para que a Prefeitura de Anápolis (GO) pagasse R$ 20 milhões à empreiteira Delta. Segundo informações publicadas neste domingo na Folha de S. Paulo , tratava-se da dívida que, anteriormente, pertencia à Queiroz Galvão e que, segundo os áudios, foi comprada pela Delta por R$ 4,5 milhões.

Ainda de acordo com a publicação, as conversas são usadas pela Procuradoria-Geral da República para apontar indícios de que Demóstenes seria "sócio oculto" da Delta. Em diálogo gravado em 9 de julho de 2011, Demóstenes relatou a Cachoeira detalhes da reunião com o prefeito de Anápolis, Antonio Gomide (PT). Já em outra conversa, Claudio Abreu, então diretor da Delta no Centro-Oeste, conversou com Cachoeira e deu a entender que o prefeito pediu propina.

Fonte: Terra