José Sarney cassa mandato do senador Expedito Júnior

A declaração do presidente de que iria submeter o assunto à Mesa foi dada antes de o STF enviar ao Congresso o acórdão com a decisão da cassação

O presidente do Senado José Sarney (PMDB-AP) decidiu nesta quinta-feira que vai cumprir a determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) de cassar o mandato do senador Expedito Júnior (PSDB-RO).

Mais cedo, o presidente chegou a afirmar que iria submeter à Mesa Diretora da Casa a "dolorosa" decisão de cassar o mandato de um colega, mas acabou recuando e a cassação de Expedito deve ser publicada no boletim do Senado de amanhã.

A declaração do presidente de que iria submeter o assunto à Mesa foi dada antes de o STF enviar ao Congresso o acórdão com a decisão da cassação. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já havia tomado uma decisão neste mesmo sentido. Como a decisão do STF tem que ser cumprida imediatamente, amanhã o Senado deverá publicá-la. A expectativa é de que Acir Gurgacz (PDT), segundo colocado nas eleições, assuma a cadeira deixada por Expedito no Senado na próxima terça-feira

Fonte: Terra, www.terra.com.br