Líder do Governo na Alepi acredita em “oposição responsável”

A mudança no comando do Palácio de Karnak na última semana também trouxe alterações políticas na Assembléia Legislativa do Piauí

A mudança no comando do Palácio de Karnak na última semana também trouxe alterações políticas na Assembléia Legislativa do Piauí. O deputado estadual Wilson Brandão (PSB), novo líder do Governo na Casa, já começou as articulações para a aprovação de leis de interesse do governador Wilson Martins (PSB) e promete que buscará entendimentos com a oposição, representada ainda por membros do PSDB, DEM e uma parcela do PTB.

?Vamos buscar entendimento com deputados na base do Governo e também com aqueles da oposição. É importante para a democracia ter oposição, precisamos de lados opostos para fazer o contraponto?, explica Brandão. De acordo com o parlamentar, a meta passada pelo governador é trabalhar os processos de interesse do Governo no plenário, em consonância com o Judiciário e o Executivo.

O líder governista, que ocupa agora o lugar que foi do deputado estadual Cícero Magalhães (PT), já começou a apurar o andamento de projetos nas comissões técnicas, como o financiamento do Semiárido e o plano de carreira dos médicos.

O parlamentar ressalta, no entanto, que espera uma ?oposição responsável?. ?O Wilson Martins estará trabalhando para acertar as ações administrativas do Piauí nesses 9 meses de governo?, diz, acrescentando que o segundo semestre estará marcado pela campanha política. ?Teremos apenas 10 dias de recesso em julho, mas o presidente da Alepi, deputado Themístocles Filho (PMDB) saberá colocar as matérias de importância e faremos um esforço para votar mesmo no período eleitoral?.

RETORNO- A sessão de ontem também foi marcada pela despedida dos sete deputados suplementes e o retorno dos parlamentares que ocupavam cargos na gestão municipal e estadual e precisaram se desincompatibilizar para disputar as eleições de outubro. Os deputados Flávio Nogueira (PDT), ex-secretário estadual de Cidades, Luciano Nunes (PSDB), ex-secretário de administração da Prefeitura Municipal de Teresina, Kléber Eulário (PMDB), ex-secretário de Governo e Fernando Monteiro (DEM), ex-secretário de Defesa Civil, retornaram aos trabalhos na Assembléia.

O ex-secretário do Trabalho e Emprego, Hélio Isaias (PTB), o ex-secretário de Segurança Pública, Robert Rios (PC do B), e o ex-secretário de Saúde, Assis Carvalho, também voltaram a exercer os mandatos legislativos. (S.B.)

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte