Líder do PT diz que Tererê é caolho e o deixa sem argumentos

João de Deus respondeu as acusações de Tererê na tribuna da Assembléia

Como de costume, o deputado tucano Deusimar Brito (Tererê) usou a tribuna da Assembleia Legislativa nesta manha (16) para atacar os governos estadual e federal. Desta vez o parlamentar insinuou que em quatro anos de mandato um único deputado federal poderia enviar para o Piauí recursos suficientes para construção do porto de Luis Correia. Em a parte, o deputado João de Deus fez o contraponto e lembrou que Teresina tem obras historicamente paradas.

?Essa mesma emenda serviria para fazer as galerias de Teresina, obras que o PSDB não realiza mesmo estando há mais de 20 anos no comando da prefeitura. Outra obra que também não anda é o Lagoas do Norte. Esse eu ouço falar desde que era vereador?, destacou.

A desculpa utilizada por Tererê para justificar a morosidade do projeto Lagoas do Norte foram questões judiciais. No entanto, mais uma vez o líder do PT na Assembléia Legislativa confrontou o tucano com argumentos que não puderam ser questionados pelo parlamentar da oposição. ?Quer dizer que esse tipo de problema só vale para a PMT e para o governo não? Vossa excelência é Caolho. Só enxerga de um lado e esse lado é o do PSDB?, afirmou.

João de Deus considera que o parlamentar tenta confundir a opinião pública e lembrou que Tererê esquece a aprovação do Governador Wellington Dias (PT) pela população, que para ele é a melhor reposta para a atual administração.

?O que não podemos é nos esquecer da grande morosidade de obras e ações por parte do PSDB no Brasil e principalmente na capital do Piauí. Teresina é uma cidade esquecida pela prefeitura?, completou.

Fonte: Ascom