Lula participa nesta sexta de primeiro comício após o câncer

Lula participa nesta sexta de primeiro comício após o câncer

Ex-presidente apoiou candidato do PT em Belo Horizonte, Patrus Ananias. No evento, lembrou-se da descoberta da doença e do medo de perder a voz

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou nesta sexta-feira (31), em Belo Horizonte, do primeiro comício após o tratamento contra o câncer na laringe. Ele esteve presente na Praça da Estação, no Centro da capital mineira, para apoiar o candidato à prefeitura pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Patrus Ananias. Lula iniciou seu discurso de forma bem humorada, fazendo referência à falta da barba, uma de suas marcas registradas. ?Eu queria pedir um favor a vocês. Aqui, nesse palanque, nem o companheiro Patrus tinha me visto sem barba. E eu sei que, aí no meio de vocês, a maioria dos companheiros nunca imaginaram que um dia o Lula iria aparecer sem barba aqui em um comício em Belo Horizonte. E eu queria que os companheiros que estão com as faixas levantadas baixassem as faixas para vocês permitirem que as pessoas vejam como eu estou mais bonito sem barba?, disse.

O ex-presidente falou por mais de 13 minutos e se emocionou ao se lembrar da descoberta do câncer. ?Vai fazer um ano, no dia 27, que era dia do meu aniversário, que eu descobri que eu tinha um câncer. E, na verdade, eu não tinha medo de morrer. O meu medo maior era saber que o câncer estava muito próximo das cordas vocais e que eu poderia perder a voz?, afirmou. Para Lula, a possibilidade de não mais poder discursar ? o que não se confirmou após o tratamento ? era um temor. Tanto para os ?amigos? quanto para os ?adversários?, o ex-presidente deixou o recado de que voltou para viver muito tempo e para fazer muitos discursos pelo Brasil.

Apesar de estar de volta aos palanques, Lula se apresentou com a voz um pouco mais rouca e ressaltou que ainda enfrenta restrições por causa do tratamento. Sempre acompanhado de um copo d?água, o ex-presidente disse não poder falar por muito tempo. ?Eu fiquei com inveja quando eu vi o Patrus, o Pimentel fazer discurso aqui. Eu fiquei com inveja porque aquele vozeirão, eu não estou com aquela bola toda. Daqui a pouco, eu começo a tossir, eu sou obrigado a parar?, enfatizou.

Durante o discurso, Lula elogiou as ações desenvolvidas por Patrus Ananias, enquanto o candidato esteve à frente do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, cargo que ocupou durante as duas gestões do petista. O ex-presidente também comentou o rompimento da aliança entre PT e PSB em Belo Horizonte, às vésperas do registro de candidaturas. Ele disse confiar nas qualidades de Patrus e não temer os adversários.

Além do ex-presidente Lula, estiveram presentes no comício outros representantes do Partido dos Tabalhadores, como o presidente nacional da legenda, Rui Falcão, e o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel.

Fonte: G1