Lula vai chefiar missão especial à União Africana

O Planalto informou que a escolha faz parte de uma decisão de enviar ex-presidentes para representar Dilma em eventos oficiais.

Há seis meses fora da Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva voltou a representar oficialmente o país: foi nomeado chefe da missão especial enviada à 17ª Assembleia-Geral da União Africana, na Guiné Equatorial. O evento começa hoje e vai até sexta.

A nomeação de Lula pela presidente Dilma Rousseff saiu publicada ontem no "Diário Oficial da União".

Lula vai receber diárias pagas pelo Ministério de Relações Exteriores. Os valores não foram informados.

O Planalto informou que a escolha faz parte de uma decisão de enviar ex-presidentes para representar Dilma em eventos oficiais. Isso já teria ocorrido em maio, quando o senador José Sarney (PMDB-AP) representou o Brasil nos 200 anos de independência do Paraguai.



Fonte: Folha.com