Lula visita Guaribas e Serra deve vir para encontro do PSDB

Os dois maiores nomes da política nacional deverão vir ao Piauí nos próximos meses

Os dois maiores nomes da política nacional, representando lados antagônicos nas disputas para as eleições de 2010, deverão vir ao Piauí nos próximos meses. O governador Wellington Dias anunciou na última sexta-feira (30), em reunião com o ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias, em Brasília, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende voltar ao Piauí até fevereiro do próximo ano.

Wellington explicou que durante o encontro que teve com o presidente nas obras de transposição do rio São Francisco, em Pernambuco, Lula demonstrou interesse em ir ao município de Guaribas, um dos pilotos do programa federal Fome Zero. A presença de Lula em solo piauiense pode ser adiantada para o dia 10 de novembro.

Ele viria dar a ordem de serviço para as obras de construção da BR-235, ligando Guaribas até a cidade de Caracol. A última vez que o presidente esteve no Piauí foi em maio, visitando os desabrigados das enchentes no Estado. Na ocasião, o governador também convidou Patrus Ananias para integrar a comitiva que virá ao Estado. Na reunião, o ministro confirmou presença e garantiu, ainda, a renovação do programa do leite no Piauí. O programa contará com investimentos da ordem de R$ 11,5 milhões, sendo R$ 10 milhões diretamente do Ministério.

A vinda de José Serra, no entanto, deve acontecer antes do final do ano. De acordo com o presidente da Fundação Municipal de Saúde, o vereador Firmino Filho (PSDB), o partido está articulando a presença do governador de São Paulo no Piauí ainda em novembro. ?Temos a convenção estadual do PSDB no dia 21 e estamos fazendo o possível para trazer o Serra e o governador de Minas Gerais, Aécio Neves?, disse.

Aécio e Serra disputam a preferência dos tucanos para concorrerem à presidência da República em 2010. A vinda dos presidenciáveis também seria um sinal de prestígio para o ainda indeciso prefeito de Teresina Sílvio Mendes, que não definiu se participará das eleições do próximo ano como candidato a governador do Estado.

Fonte: Rafael Campos, Jornal Meio Norte