Magalhães: Dias antecipará escolha de nome

Segundo o parlamentar petista, a cobrança pela definição vem dos partidos e da população

O governador Wellington Dias (PT) vem afirmando que a decisão sobre o nome escolhido para representar a base aliada só será definido no final de março. No entanto, diante das cobranças dos demais partidos, o deputado estadual Cícero Magalhães (PT) acredita que Dias deverá antecipar a escolha do nome, acabando assim com o que ele chama de "TPD" (Tensão Pré-Decisão).

Segundo o deputado, esse é o momento de tensão por parte dos partidos que estão ansiosos pela definição do nome. O petista diz não concordar com as declarações de que o processo da escolha de nomes foi mal conduzido. "Todos participaram da reunião com o governador quando os critérios foram colocados. Foi acordado com todos. Mas essa ansiedade é natural. É a tensão pré-decisão", destaca, dizendo ainda não acreditar na política de mandar recados.

O parlamentar acrescentou que a cobrança por uma definição de nomes vem também por parte da população. As últimas declarações dadas por membros da base aliada que se mostraram descontentes com a demora na escolha do nome pode acabar fazendo com que o governador antecipe a escolha do pré-candidato. "A população já está cobrando, não é apenas os partidos e as lideranças políticas", completa.

Para o petista, com a escolha do nome antecipada, o governador estará livre para sair do cargo para disputar uma vaga no Senado. Dias já disse que há grandes chances de disputar a vaga já que "a casa já está arrumada" o que vem deixando os membros da base ainda mais agitados. "O governador tem mostrado sua sabedoria para conduzir esse processo. Se ele tomar a decisão de ser senador, terá o meu apoio porque quem ganha com isso é o Piauí e o Brasil", pontua.

Magalhães alfinetou ainda que tem senadores piauienses que não estão fazendo o "dever de casa" e que a presença de Dias no Senado favoreceria a aprovação de projetos importantes para o Estado. "Tem senadores no nosso Estado que só criticam e não fazem nada. O povo sabe quem são. Tirando o João Vicente, o Piauí está mal representado", opina. (M.M)

Fonte: Mayara Martins