Prefeito é cassado no interior do Piauí

O gestor pode recorrer da decisão no TRE, TSE e STF

A lista de gestores públicos municipais cassados no Piauí pode receber mais um integrante. O prefeito de Sigefredo Pacheco, João Gomes (PC do B) foi cassado nesta terça-feira pelo juiz da 7ª zona eleitoral de Campo Maior. O juiz acompanhou o parecer do Ministério Público que pedia a cassação do prefeito e pediu o afastamento imediato do gestor do cargo de prefeito municipal.

As denúncias foram formalizadas pelo promotor Nivaldo Ribeiro, do Ministério Público. Pesam contra o prefeito as denúncias de abuso de poder econômico nas eleições de 2008, quando o mesmo concorria à reeleição. Nas provas, vídeos e fotografias do gestor distribuindo dinheiro à mulheres em frente a sede do poder público municipal.

As denúncias foram consideradas procedentes pelo juiz da comarca de Campo Maior. No entanto, João Gomes pode recorrer da decisão do Tribunal Regional Eleitoral, Tribunal Superior Eleitoral e no Supremo Tribunal Federal. Enquanto aguarda a decisão do recurso, o prefeito permanece no cargo. (M.M)

Fonte: Mayara Martins