Mão Santa repercute falta de medicamentos no Piauí

Mão Santa considera a situação lamentável e diz que expõe esses fatos para solicitar atenção e resolução dos problemas.

O senador Mão Santa (PSC) destacou em seu discurso as denúncias de que medicamentos excepcionais não estão sendo fornecidos para os pacientes no Piauí. Com base na repercussão na imprensa local o senador solicita atenção para o caso.

Mão Santa evidencia um relatório onde o TCU constata que medicamentos excepcionais (medicamentos de alto custo, geralmente de uso contínuo, utilizados em nível ambulatorial no tratamento de doenças crônicas e raras), não estão sendo fornecidos para os pacientes.

O parlamentar também destaca noticia em que a White Martins (empresa de gases medicinais e industriais) denuncia dupla licitação na Sesapi na gestão de Wellington Dias. De acordo com a empresa não era necessário uma segunda licitação para o fornecimento dos itens solicitados.

O Ministério Público Federal (MPF) determinou a abertura de inquérito civil público no último dia 22 de abril para investigar se há desvio de recursos públicos. O atual secretário de Saúde, Telmo Gomes Mesquita, tem 10 dias úteis para se pronunciar sobre o assunto desde abertura do procedimento investigatório.

Mão Santa considera a situação lamentável e diz que expõe esses fatos para solicitar atenção e resolução dos problemas, ?Apenas trazemos esses assuntos desagradáveis para Sua Excelência, o Presidente da República, ajudar o novo Governador do Piauí?.

Fonte: Ascom