Médicos descartam transplante de medula para Itamar Franco

Itamar foi diagnosticado com leucemia em estágio inicial

A equipe médica que trata o ex-presidente Itamar Franco (PPS-MG), internado desde 21 de maio no Centro de Hematologia e Oncologia do hospital Albert Einstein, em São Paulo, com o diagnóstico de leucemia em estágio inicial, informou nesta quarta-feira que não considera submeter o senador mineiro a um transplante de medula.



De acordo com nota divulgada pelo hospital, Itamar "tolera muito bem" o tratamento quimioterápico. O ex-presidente, eleito para o Senado nas últimas eleições com mais de 5 milhões de votos, tirou uma licença de 30 dias do Senado para realizar tratar a doença.

Fonte: Terra, www.terra.com.br