“Muitas ações foram executadas em 100 dias”, informa Cícero Magalhães

Deputado rebate críticas da oposição e elenca obras e ações realizadas pela gestão Wellington Dias nos primeiros 100 dias a frente do Estado. Ele focou na Educação e Segurança

Prestes a completar 100 dias no próximo dia 10 de abril, os parlamentares da atual gestão do Executivo já começam a fazer um balanço das realizações concretizadas no período. Desta forma, o deputado estadual Cícero Magalhães (PT) usou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã de ontem para rebater as críticas da oposição em discurso dos deputados Robert Rios (PDT) e Evaldo Gomes (PTC) quanto a atuação do governador Wellington Dias (PT) frente ao Governo do Estado, elencando ações nas áreas da saúde, infraestrutura e educação, dentre as quais está a finalização da Penitenciária de Altos e a redução nos índices de violência no primeiro trimestre.

Realizando um balanço parcial, Magalhães destacou a reforma de escolas pela Secretaria de Educação. “Faço um balanço positivo, você vê, por exemplo, na área da educação, a secretária Rejane está reformando 360 escolas, são 700 professores concursados já chamados, mais de mil seletivos, então significa dizer que as ações foram tomadas e já estão sendo implementadas nesses 100 dias”, apontou.

Ainda no âmbito educacional, o parlamentar enalteceu os percentuais decrescentes nos índices de criminalidade no Piauí. “Na questão da segurança, muita gente foi contra a vinda da Força Nacional e está aí o resultado, nos primeiros 100 dias, 50% dos roubos diminuíram, 27% dos homicídios, então melhorou; R$ 6 milhões estão sendo investidos na segurança na reforma de presídios, então a gente precisa entender que quem não foi secretário nesse governo, já foi em outro momento e todos deram sua contribuição e fizeram com que o Piauí melhorasse e muito nos demais setores”, afirmou.

O deputado Aluísio Martins (PSB) também incorporou uma mensagem ao discurso do petista, destacando que 100 dias representa um curto espaço de tempo para apresentar resultados, ressaltando, porém, que o saldo positivo é um fato. Opinião compartilhada por Fernando Monteiro (PTB), que destacou o sucesso da gestão na retirada do Estado da situação de inadimplência, principalmente no que condiz com os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

 

Fonte: Francy Teixeira