Mulher de Cachoeira, a musa da CPI, diz que está deprimida com o depoimento do marido

Mulher de Cachoeira, a musa da CPI, diz que está deprimida com o depoimento do marido

Preso desde fevereiro, bicheiro deve ser ouvido na sexta-feira (1º).

A esposa do bicheiro Carlos Cachoeira, Andressa Mendonça, esteve na sede da Polícia Federal, em Goiânia, na tarde desta quarta-feira (30) e concedeu uma entrevista à TV Anhanguera. Abatida, ela afirma que está apreensiva com o depoimento do marido à Justiça Federal, previsto para acontecer na capital goiana na sexta-feira (1º). ?Não estou bem hoje, estou deprimida e ansiosa com o depoimento de amanhã [as testemunhas começam a depor na quinta-feira]. É importante para ele, a gente sabe disso. É pesado, mas a gente espera que ele esteja preparado?.

Cachoeira está preso desde 29 de fevereiro, acusado de comandar esquema de jogos de azar em Goiás. Andressa comentou também sobre o sofrimento da família com a prisão de Cachoeira. De acordo com ela, o marido tem recebido muitas orações. ?A família inteira está sofrendo com a falta dele. O Carlinhos é uma pessoa muito amada e muito querida. Ele é espontâneo, um homem bom. Estou cansada, abatida. Ontem [terça-feira] fui fazer uma visita para ele e é difícil, sabe? Uma situação difícil porque lá em Brasília eu não tenho contato com ele. Minha visita é pelo vidro e pelo interfone. É muito impessoal. Isso acaba nos deixando nervosos?, explica.

Ela reclama do pouco contato que tem com o marido: ?A pessoa fica lá trancafiada, 22 horas presa e, na hora que chega um familiar, não pode ter contato, nem a esposa pode ver pessoalmente?.

Na quarta-feira, ela disse que falou com o marido e pediu que ele ficasse tranquilo. ?O que a gente pode fazer estamos fazendo, reunindo todas as forças, procurando se esforçar para pagar um bom advogado. Temos orado muito por ele. Ele é muito amado?, conta Andressa.

Habeas Corpus

Sobre o pedido de Habeas Corpus para que Cachoeira seja solto, Andressa disse que o pedido deveria ser impetrado até sexta-feira (1º). Porém, o Ministério Público Federal (MPF) divulgou nesta tarde que o pedido já foi feito. ?A gente está otimista com a defesa. Acreditamos que ele está em boas mãos. Acreditamos primeiro em Deus?.

Fonte: G1