Na Codevasf, Ciro Nogueira do PP discute ações contra seca no Piauí

Na Codevasf, Ciro Nogueira do PP discute ações contra seca no Piauí

A Codevasf, com recursos do PAC Seca, está direcionando R$ 14,1 milhões para conclusão das barragens Tinguis, Atalaia e Pedregulho

O senador Ciro Nogueira se reuniu com o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, para tratar da conclusão das obras da barragem de Tinguis e da construção de adutoras no Estado. A Codevasf, com recursos do PAC Seca, está direcionando R$ 14,1 milhões para conclusão das barragens Tinguis, Atalaia e Pedregulho.

Em 2013, Ciro conseguiu a inclusão das obras de Tinguis no Programa de Aceleração de Crescimento (PAC 2). Em audiência com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, e posteriormente com o Secretário do Programa , Maurício Muniz, o senador assegurou a continuação da obra. Nesta reunião, Elmo Vaz garantiu que a obra continuará em ritmo intenso.

Segundo informou Ciro, Tinguis vai destinar água para o abastecimento urbano, demanda rural, irrigação racional, cultura vazante, criação de peixes e lazer, beneficiando a região norte do Estado.

?A efetiva conclusão de Tinguis é uma antiga luta nossa. A barragem vai fornecer água para o consumo e incentivar o desenvolvimento econômico nessa parte do Estado?, afirmou.

MASSAPÊ - Ciro ainda tratou da construção de adutoras no Estado, com o objetivo de combater os efeitos da estiagem, especialmente a adutora de Massapê. A Codevasf vai destinar mais de R$ 61 milhões do PAC 2 para implantação de adutoras no Piauí, entre elas as de Lagoa do Barro, Queimada Nova, Vila Nova, São Raimundo e Dirceu Arcoverde.

?É preciso buscar soluções viáveis para minimizar os impactos da seca prolongada, tanto para as famílias quanto para a economia. Com essas iniciativas será possível melhorar as condições para a agricultura e a pecuária do nosso estado?, observou Ciro.

Fonte: Ascom