“Não há portas fechadas”, afirma Elizeu Martins sobre alianças

"Sempre houve entendimento que o PT indicaria o vice", comentou.

O presidente municipal do PTB em Teresina, Elizeu Aguiar, afirmou ontem que o partido não ?fechou portas? para alianças com nenhuma legenda, incluindo o PSB, tendo em vista o pleito deste ano. ?Não existe nada definido até período das convenções. Ainda há um período de conversa e diálogo e não há porta fechada?, afirmou Aguiar. Ele também negou que o partido teria exigido uma lista tríplice do PT para a escolha do vice na chapa do prefeito Elmano Férrer (PTB) à reeleição.



?Não existe isso. Sempre houve entendimento que o PT indicaria o vice. O partido em si, e não apenas uma pessoa.

Em um passado bem recente o PTB esteve junto com o senador Wellington Dias nas suas campanhas para o governo.

Queremos que o PT venha sem divisão para termos musculatura necessária nessa disputa?, afirmou Elizeu.

O presidente municipal do PTB criticou ainda o pré-canditato a prefeito do PSDB, o deputado estadual Firmino Filho.

?Ele vai ter que mostrar tudo aquele que deixou de fazer. Só de multas erradas na administração dele houve um dispêndio de R$ 30 milhões para a Prefeitura. É entregar uma bomba-relógio. Cadê as grandes obras que ele fez quando esteve oito anos como prefeito com o presidente Fernando Henrique??, questionou.

Para Aguiar, os dois anos da administração de Elmano não foram suficientes para resolver os problemas de Teresina, devido a ?herança? do PSDB na capital. ?O Elmano é um candidato natural a prefeito. Ele não estava assumindo mandato tampão. Defendemos um projeto de cidade, moderno, de fazermos as grandes obras?, concluiu.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte