Posse: Novo ministro Brizola Neto, defende modernização das relações de trabalho

Posse: Novo ministro Brizola Neto, defende modernização das relações de trabalho

Brizola Neto foi empossado nesta manhã como ministro do Trabalho

O novo ministro do Trabalho, Brizola Neto, empossado nesta quinta-feira pela presidente Dilma Rousseff, defendeu a modernização das relações de trabalho em discurso na cerimônia de sua posse, no Palácio do Planalto. Durante a fala, o ministro recém-empossado afirmou ser necessário a maior presença do governo nas questões reguladoras, como o direito de greve no setor público.

"A presença do Estado nessas questões reguladoras se atualize, com a dignificação do trabalhador e com o entendimento de que ele, o ser humano, é o princípio e o fim de toda atividade econômica. E isso não é um óbice à liberdade empresarial: as empresas mais modernas são as que entendem o trabalhador como parte essencial de seu capital", afirmou o novo ministro.

Mais novo gestor da Esplanada dos Ministérios, Brizola Neto tem 33 anos e é neto do fundador do PDT, Leonel Brizola, que foi lembrado durante seu discurso. "O sobrenome que possuo integra a linhagem de brasileiros ilustres, que se inicia com Getúlio Vargas, João Goulart e chega ao meu saudoso avô. Esse sobrenome agora se redesenha com o ex-presidente Lula e com a presidente Dilma Rousseff", disse.

Brizola Neto foi empossado nesta manhã como ministro do Trabalho, posto que estava em aberto havia quase seis meses, desde a queda de Carlos Lupi por denúncias de corrupção. Neste meio tempo, a pasta estava sob o comando de Paulo Roberto Pinto, que era secretário-executivo da pasta durante a gestão Lupi.

Dilma foi convencida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a não passar as comemorações do Dia do Trabalhador sem um nome definitivo à frente da pasta que cuida das políticas para o setor. Brizola Neto é filiado ao PDT desde 1997 e foi vereador da cidade do Rio de Janeiro antes de ser eleito para o primeiro mandato como deputado federal, em 2006.

Fonte: Terra, www.terra.com.br