Oposição questiona responsabilidade sobre trecho da BR-222

O deputado Marden Menezes (PSDB) afirmou que o ex-governador Wellington Dias (PT) falhou no que diz respeito à manutenção da PI-117

O deputado Marden Menezes (PSDB) afirmou que o ex-governador Wellington Dias (PT) falhou no que diz respeito à manutenção da PI-117, pois ao longo de sete anos a gestão petista se omitiu das responsabilidades em relação ao trecho, esperando uma decisão acerca de um projeto que pretende transformar a PI-117 em BR-222.

?De acordo com as explicações do superintendente do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrututa de Transporte), Sebastião Ribeiro Braga, o trecho em questão só será BR-222, depois de projeto aprovado e a mesma for declarada como de utilidade pública. Ali existe hoje a PI-117, cuja responsabilidade cabe ao Estado?, enfatizou.

Para o tucano, as explicações do superintendente do DNIT contradizem o discurso governista, já que o Governo justificava que a PI-117, que ainda não foi transformada em BR, deveria ser recuperada com verbas federais. ?Ficou claro que as justificativas do Governo Estadual afirmando que o trecho que liga Piripiri a Batalha se trata de uma BR, é um discurso evasivo para se eximir da responsabilidade de recuperar aquela estrada?, completou Marden.

Segundo o parlamentar, enquanto o projeto que pretende transformar a PI-117 em BR-222, o Governo do Estado deveria criar medidas paliativas para amenizar a situação da estrada, salientando que as pontes de madeiras colocadas no local, já foram queimadas pela população.

? Enquanto a PI-117 não for transformada em BR-222, cabe o Governo do Estado tomar conta, nós lamentamos que em sete anos de governo, não foi feita nenhuma manutenção daquela estrada, a população devido aos acidentes, já tocou fogo nas pontes de madeiras que se encontravam na estrada. O Governo do Estado sempre jogou responsabilidade para o Governo Federal, que ainda não tem responsabilidade de cuidar daquela área?, finalizou Marden.

Fonte: Ascom