PDT faz convenção e deve apoiar Firmino Filho nas eleições 2016

Partido diz que busca entender questões da localidade

Mirando o pleito municipal do próximo ano, o Partido Democrático Trabalhista (PDT) realizou na manhã de ontem no auditório da Associação Industrial do Piauí (AIP) a Convenção da Executiva Estadual da sigla, contando com a participação do presidente nacional do partido, o ex-ministro Carlos Lupi, o governador Wellington Dias (PT), o prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB), dentre outras autoridades. O evento marcou o início da ampliação do diálogo em torno do planejamento para a disputa de 2016, abrangendo ainda o foco no crescimento do número de filiados nas mais distintas regiões.

Liderada pelo deputado federal, Flávio Nogueira, a iniciativa congregou os interesses quanto as eleições para o Executivo da capital piauiense, desse modo, as chances de uma candidatura própria foram minimizadas pelo representante, emergindo a possibilidade do apoio à reeleição de Filho. “O Firmino Filho é um bom prefeito, veremos o que é bom para o partido, provavelmente não teremos candidato ao Executivo Municipal. É bom ficar com Firmino? Vamos ver. É bom ficar com outro? Também vamos analisar”, declarou.

Quanto ao processo de filiação, o parlamentar revelou que o partido busca entender as questões de cada localidade, com suas peculiaridades e desafios, assim a atenção se desenvolve sobre a atração de líderes nos municípios. “Temos em 2016 as eleições municipais e o PDT está organizando os diretórios, de modo que possamos botar boas lideranças”, comentou. Neste sentido, o presidente da sigla, Carlos Lupi comungou com o discurso, reverberando o sentimento desenvolvimentista dos entes. “Aqui em Teresina vamos procurar fortalecer nossa atuação”, afirmou.

Fonte: Francy Teixeira