Piauí Digital custa 40 milhões de reais

Os 224 municípios do Piauí terão cobertura de internet banda larga até o final deste ano. O governador Wilson Martins destacou durante lançamento

Os 224 municípios do Piauí terão cobertura de internet banda larga até o final deste ano. O governador Wilson Martins destacou durante o lançamento do programa Piauí Digital, na manhã de ontem, que o volume de investimentos deve ultrapassar os R$ 40 milhões. A universalização do acesso à internet nos municípios piauienses irá alcançar inicialmente as 13 cidades que compõe a grande Teresina, além de Campo Maior, Cocal e Elesbão Veloso e Timon, no estado do Maranhão. Essa primeira etapa ficará pronta em, no máximo, 90 dias.

A apresentação do projeto ao público foi realizada na sede da Associação Piauiense dos Municípios (APPM), a solenidade contou com a participação do governador do estado Wilson Martins, e o Secretário de Ciência e Tecnologia para Inclusão Social do Ministério de Ciências e Tecnologia, Roosevelt Tomé além de municipalistas, como o presidente da APPM, Francisco Macedo. Escolas, bibliotecas, clubes, telecentros e pontos de cultura serão os espaços contemplados com esse benefício do digital.?Vamos levar banda larga para todos os municípios do Estado. Vamos fazer uma revolução na informação?, enfatiza o governador.

Responsável pela explicação do projeto aos prefeitos , o representante do Ministério Roosevelt Tomé, fala de como é importante socialmente este projeto do governo do Estado. ?É um fator indispensável a melhoria da qualidade de vida e modernização da gestão. É fundamental que sejam vislumbradas todas as possibilidades do programa e que internet passe a ser agraciada como um serviço público de igual importância a qualquer outro?, relato Tomé. Ele lembra ainda que para isso é preciso pleno conhecimento do projeto por parte dos prefeitos municipais.

Francisco Macedo alerta para o fato de que essa interiorização facilitará a comunicação da população nas pequenas cidades. ?Não vi nenhum problema na adesão dos municípios, todos os gestores mostraram boa vontade. A contrapartida dos prefeitos será apenas na doação do terreno para a instalação da torre de transmissão?, pontua o prefeito. Ele destaca ainda que as cidades ficarão mais próximas e isso facilitará a articulação entre gestores.

O prefeito do município de União, ao norte do Piauí, José Barros adianta que sua gestão já aderia ao programa e que as providencias por parte da prefeitura já estão sendo tomadas. ? Em nossa cidade já foi liberado o ponto de cultura que será utilizado pelo projeto, ele será um telecentro e toda a comunidade de União poderá utilizá-lo?, relata o prefeito. Para Barros esses espaços funcionam como bibliotecas digitais, e na cidade os órgãos públicos já disponibilizam esse serviços aos funcionários.

Esse é um processo importante para inclusão digital, atualmente o estado do Piauí já conta com internet banda larga em mais de 60% do municípios, no entanto esse serviço só é disponibilizado para as escolas da rede estadual, com o projeto o serviço vai garantir inclusão a toda população dos municípios. (T.T.)

Fonte: Thays Teixeira - Jornal Meio Norte