Polícia Federal indicia Celso Pitta e mais 22

Os indiciamentos culminaram no fim do inquérito 12.234/2008, derivado da Operação Satiagraha

A Polícia Federal indiciou 24 pessoas acusadas pelos crimes de evasão de divisas, operar instituição financeira sem autorização, falsidade ideológica, fraude na Administração de Sociedade Anônima e formação de quadrilha na última segunda-feira (27), entre elas o investidor Naji Nahas e o ex-prefeito Celso Pitta.

Os indiciamentos culminaram no fim do inquérito 12.234/2008, derivado da Operação Satiagraha. Também na quinta-feira, em outro inquérito, o 12.235/2008, a PF indiciou outras 13 pessoas, entre elas o banqueiro Daniel Dantas e sua irmã Veronica Dantas.

De acordo com a PF, o ministro da Justiça, Tarso Genro, já foi informado sobre os indiciamentos. A Polícia Federal informa que não se manifestará sobre os inquéritos, tendo em vista que os procedimentos permanecem sob segredo de Justiça.

Depoimentos

Quatro acusados na Operação Satiagraha devem prestar depoimento na Sede da Superintendência da Polícia Federal, na Lapa, zona oeste de São Paulo, na manhã desta terça. A assessoria da PF não informou os nomes dos envolvidos. Os depoimentos serão prestados para o delegado Ricardo Saadi, chefe da Delegacia de Combate aos Crimes Financeiros, em um dos inquéritos da Operação Satiagraha, que investiga supostos crimes financeiros cometidos pelo banco Opportunity.

Fonte: g1, www.g1.com.br