Políticos que aparecem em lista da Odebrecht negam irregularidades

PF apreendeu planilhas com doações a mais de 200 políticos

Os políticos relacionados em planilhas da construtora Odebrecht como beneficiários de doações de campanha feita pela empreiteira negaram nesta quarta-feira (23) ter recebido recursos ilegalmente.

Pela documentação, não é possível afirmar se são doações legais ou feitas por meio de caixa 2 de campanha eleitoral.

Os documentos foram apreendidos na residência do presidente da Odebrecht Infraestrutura, Benedicto Barbosa da Silva Junior, que foi preso temporariamente na 23ª fase da Operação Lava Jato e liberado posteriormente pela Justiça.

Depois da divulgação pela imprensa nesta quarta, vários dos políticos cujos nomes aparecem nas planilhas se manifestaram.

Image title

Fonte: Com informações do G1