Prefeitura de Cocal da Estação tem energia cortada

A divida do município com a empresa fornecedora de energia elétrica ultrapassa a quantia de R$ 655.000,00

O prefeito de Cocal da Estação, Rubens Vieira (PSDB), pode dizer que recebeu uma má herança das mãos da antiga gestão. Salários atrasados, precatórios, divida no INSS, pagamentos de fornecedores em atraso, obras inacabadas, prédios depredados entre tantas outras irregularidades, mostram os frutos dos desmandos administrativos de gestões passadas.

Numa incontestável amostra do desmantelo no município, a Eletrobras fez mais uma vez o corte no fornecimento de energia elétrica do Prédio da Prefeitura(que no momento encontra-se em reforma). A divida do município com a empresa fornecedora de energia elétrica ultrapassa a quantia de R$ 655.000,00 (Seis centos e cinquenta e cinco mil reais).

Com o corte da energia elétrica, servidores interromperam expediente e atendimento ao público, causando transtornos a vários outros órgãos, uma vez que no mesmo prédio funciona a Secretaria de Administração, Finanças dentre outros.

Fonte: Proparnaiba