Prefeitura de Teresina investe R$ 630 mil em centros comunitários

Prefeitura de Teresina está investindo R$ 630.768,03

A Prefeitura de Teresina está investindo R$ 630.768,03 na construção de três centros comunitários na zona Sudeste da capital. Os locais servirão para desenvolver ações voltadas para o desenvolvimento de projetos sociais e políticas públicas da administração municipal.

O investimento da Prefeitura de Teresina beneficiará os moradores do Residencial Dom Helder Câmara, Residencial São Paulo e Alto da Ressurreição. Os recursos utilizados são do Orçamento Popular.

O Centro Comunitário do Residencial Dom Helder Câmara é o que apresenta as obras mais avançadas. Na sua construção, a Prefeitura de Teresina está investindo R$ 235.311,26 em recursos do Orçamento Popular.

De acordo com o gerente de Obras da SDU Sudeste, Marcos Rogério Ribeiro, ele deve ser finalizado em junho. "Ele está quase concluído, com cerca de 90% da obra pronta", comenta.

Conselheiro da Associação de Moradores do Dom Helder, o funcionário público Gilson de Araújo Resende comemora a proximidade do fim da obra.

"O Residencial Dom Helder não tem um local para a gente se reunir e discutir as coisas do bairro. Depois do Centro Comunitário pronto, a gente vai ter um local. Nosso objetivo é levar tudo que a Prefeitura de Teresina tem a oferecer para dentro do Centro. Vamos correr atrás", destaca.

Os outros dois centros comunitários ainda estão em fase inicial. "No Alto da Ressurreição, as obras estão em 20%. No Residencial São Paulo, estão um pouquinho mais avançadas, cerca de 25%", explica o gerente de Obras da SDU Sudeste.

Na obra do Alto da Ressurreição, a Prefeitura de Teresina está investindo R$ 237.967,90. No Residencial São Paulo, R$ 247.398,87. Em ambos, serão desenvolvidos projetos sociais e oferecidas atividades informativas e educativas voltadas à população local.

Fonte: Jornal Meio Norte