PRF-PI flagrou dois ônibus transportando 80 eleitores irregularmente

O saldo do trabalho da Polícia Rodoviária Federal (PRF-PI) no Piauí contabilizou dois ônibus apreendidos

O saldo do trabalho da Polícia Rodoviária Federal (PRF-PI) no Piauí contabilizou dois ônibus apreendidos com suspeita de transporte irregular de 80 eleitores, 127 motoristas submetidos ao teste do bafômetro e quatro presos por estarem com o teor alcóolico acima do permitido. Segundo o superintendente da PRF-PI, Bernardo Val, as operações policiais nas estradas do Estado foram consideradas ?satisfatórias?.

?Contamos com 230 policiais e 45 viaturas nesses últimos dois dias de trabalho. Foram detidos dois ônibus com transporte de eleitores a pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE-PI)?, afirmou Val. Também foram constatados 15 acidentes, com 11 feridos e seis prisões, sendo quatro por embriagues: três em Teresina e uma em Floriano, entre sexta-feira, 01, e sábado, 02. Um homem também morreu em Parnaíba após colidir com um poste.

A PRF-PI irá divulgar hoje o balanço final das operações nas eleições. Os ônibus de turismo de placas KHG-1417 e KIR-1948, de Pernambuco, foram localizados no município de Alegrete, indo em direção à cidade de Fronteiras. Em um dos veículos haviam 42 eleitores e no outro 37. Eles foram enviados para delegacia de Alegrete, onde passaram por interrogatório.

Será aberto um inquérito para apurar se os passageiros estavam sendo transportados com o pagamento de algum candidato, o que é proibido pela legislação eleitoral. O transporte de eleitores só poderia acontecer em veículos cadastrados com identificação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI). (S.B.)

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte